segunda-feira, 28 de março de 2016

JM é implantada na Paróquia Santo Antônio, da cidade de Gurupi (TO)


Os frutos do Encontro de Lideranças da Juventude Missionária, nível I, da forania de Gurupi (TO), começaram a aparecer. Jovens da Paróquia Santo Antônio, Diocese de Porto Nacional, reuniram-se no dia 19 para realização do primeiro encontro da Juventude Missionária (JM) no Salão Paroquial.

A coordenadora do grupo, Adda Cristina, mostrou-se cheia de entusiasmo para construir uma caminhada missionária de aproximação dos pobres e marginalizados, vivendo e difundindo a metodologia e o carisma da JM. “Antes do ELJUMI eu já ouvia falar da Juventude Missionária e queria entendê-la e conhecê-la mais. Nesse período, estive conversando com algumas pessoas até surgir a oportunidade da formação. Confesso que estou apaixonada pelo carisma e decidida a seguir a caminhada”, testemunhou.

O coordenador estadual da JM, George Henrique, lembrou os ensinamentos de papa Francisco citando a frase de sua exortação apostólica Evangelii Gaudium nº 80: “Não nos deixemos roubar o entusiasmo missionário”. George ainda exortou os jovens a não terem medo dos desafios e serem a esperança de transformação do mundo, buscando sempre testemunhar o Cristo.


Diogo Alves, coordenador diocesano da Juventude Missionária, partilhou a felicidade em participar do primeiro encontro do grupo. “Meu coração se alegra ao ver nos olhos de vocês esse entusiasmo missionário. As dificuldades virão, mas no que precisarem poderão contar conosco. Iremos caminhar todos juntos, em unidade”, frisou.

Ainda participaram do encontro o coordenador da JM na forania de Gurupi, Leonilson Oliveira, alguns jovens da Paróquia Universitária São Judas Tadeu, de Gurupi e da Paróquia São Francisco de Assis, de Alvorada.

Nenhum comentário: