quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

JM de Alagoas celebra 10 anos com Missão de Verão


“Somos missão, vamos fazer de cada Cristão um Discípulo Missionário”, motivados por esse lema e pelos 10 anos de Juventude Missionária, cerca de 400 missionários da Pontifícia Obra da Propagação da Fé (Jovens Missionários, Grupos de Propagação da Fé e Idosos e enfermos missionários) incluindo os das pastorais e expressões da Paróquia Santo Antônio de Pádua (comunidade local) se reuniram em Olho D’agua das Flores (AL) entre os dias 18 a 25 de janeiro para a Missão Jovem de Verão.

Essa linda experiência de vida e partilha missionária acontece no verão de cada ano, onde famílias das comunidades rurais e cidade abrem suas casas e corações para acolher missionários de todo o estado de Alagoas, esses, que durante a semana partilham suas vidas visitando porta a porta a todos que encontrar no caminho.


O Espírito Missionário pairava sobre os corações dos jovens em uma Igreja cheia de missionários, vindos de 18 cidades do estado (Arapiraca, Boca da Mata, Maceió, Porto de Pedras, Carneiros, Craíbas, Dois Riachos, Feira Grande, Girau do Ponciano, Junqueiro, Maravilha, Olivença, Penedo, Poço das Trincheiras, Santana do Ipanema, São Sebastião, Senador Rui Palmeira e a cidade acolhedora Olho D’agua das Flores). 

Junto as suas mochilas traziam a expectativa de encontrar cristo no outro, a alegria da acolhida, da partilha e a paixão pela missão. Como Jesus enviou seus discípulos, também nós fomos enviados dois a dois enfrentando quilômetros de sol ardente, com a garra e a coragem que só a força do Espirito nos interpela. A experiência nos sítios e lugares mais longínquos fez crescer nas famílias o sentido de pertença a Igreja dos pobres. “O que mais chama a atenção em vocês é que além da simplicidade, vocês falam de Jesus e deixa Jesus falar em vocês!” menciona uma família acolhedora quando partilha a experiência missionaria.

Padre Clodoaldo Neto, pároco da Cidade anfitriã ao avaliar a missão declara; “A missão veio com uma configuração diferente das já realizadas, pois promoveu não só o contato com as famílias visitadas, mas criou experiências profundas de acolhimento e abertura para o outro; as redes foram lançadas, as sementes foram semeadas e tantos frutos vêm sendo colhidos antes mesmo da missão iniciar, tendo ainda na preparação uma surpreendente dinamicidade, toda a paroquia se envolveu, todos se encantaram com o espirito missionário e se uniram em torno de um mesmo objetivo: o encontro pessoal e comunitário com a pessoa de Jesus Cristo”.


A vida missionária é um continuo ir e vir, cabe aos missionários dar continuidade á esse trabalho para que Jesus, centro e ápice da missão, seja permanentemente anunciado e servido no irmão.

Irmã Ana Aparecida Ferreira, MC
Assessora Estadual da POPF/JM Alagoas

Nenhum comentário: