domingo, 14 de dezembro de 2014

Jovens retornam das missões na Amazônia


Os 72 jovens missionários das diferentes expressões juvenis, de todos os estados do Brasil e três países da América do Sul (Paraguai, Uruguai e Argentina), voltam, neste domingo (14), as suas casas, após 15 dias na Amazônia, onde participaram da Primeira Missão Jovem. O último dia contou com uma atividade de oração pela manhã, partilha, testemunhos e terminou com a Santa Missa.

Durante a homilia, o padre Carlos Sávio, assessor da Comissão Episcopal Pastoral da Juventude e um dos idealizadores do projeto, junto à Conferência Nacional de Bispos do Brasil (CNBB),  lembrou os jovens que o natal do Senhor se aproxima e convidou os missionários a serem mensageiros da esperança e a da luz de Jesus Cristo, como foram os profetas Elias e João Batista, citados no Evangelho de hoje.

“A principal marca da juventude é a alegria. Vocês devem ser canais da graça de Deus e a ajudar a igreja a libertar os jovens que ainda não conheceram a Cristo. Muito obrigado pelo testemunho de cada um de vocês, por subirem montes e rios da Amazônia e viajarem quilômetros e horas até aqui. Vocês fazem parte da história da igreja do Brasil”, disse.


Para a jovem Jamille Cavalcante, 35, de Belém (PA), membro da Casa da Juventude Comunidade Católica (Caju), e uma das coordenadoras da Primeira Missão Jovem na Amazônia, todos os jovens fizeram a vontade de Deus ao participarem deste projeto missionário. “Independente da nomenclatura, este momento foi uma missão, um retiro espiritual e um encontro com o próximo e com Cristo. O essencial do que vivemos é invisível aos olhos, vai além das fotos e vídeos e ficará para sempre em nossos corações”, afirmou. Ela fez parte do grupo que esteve nas comunidades indígenas da Raposa Serra do Sol, em Roraima.

Instalados no Centro Mariápolis Maria de Loreto, em Manaus (AM) desde o dia 30 de novembro, os jovens tiveram momentos de formação, integração e preparação durante três dias que antecederam as atividades missionárias.  Depois, eles foram enviados para quatro dioceses da Amazônia Legal: Parintins, Borba, Coari, no Amazonas, e Boa Vista (RO).

A Juventude Missionária enviou dez jovens ligados às Pontifícias Obras Missionárias (POM) do Brasil e do Paraguai. Entre os jovens missionários que representam as POM na experiência missionária estão Érica Julia e Marcelo Bleme, de Minas Gerais, Geovana Mendes e Bruno Meyer Levy, do Paraná, Lucas Ferro Brito, de Alagoas, Allison Gomes, do Ceará, Diego Raposo, de São Paulo, e Lorena Zarza, Claudia Aguero e Patricia Torales representantes das Obras Missionárias do Paraguai.

Com informações da Equipe Jovens Conectados

Nenhum comentário: