domingo, 28 de setembro de 2014

Juventude e Famílias Missionárias do Centro-Oeste projetam caminhada a partir da Alegria do Evangelho


Com o objetivo de programar e avaliar a caminhada a partir da exortação “A Alegria do Evangelho”, a Juventude e as Famílias Missionárias do Regional Centro-Oeste (Goiás e Distrito Federal) realizaram no último final de semana, dia 19, em Caldas Novas (GO), um encontro de caráter formativo. A formação foi assessorada pelo secretário nacional da Pontifícia Obra da Propagação da Fé, Guilherme Cavalli, e reuniu representantes das dioceses de Ipameri, Jataí, São Luís de Montes Belos e Uruaçu. Participaram também jovens da coordenação da Juventude Missionária de Tocantins. 

Para Gustavo Dias, a formação reforçou a certeza de que devemos ser Igreja que vai ao encontro. “Trabalhamos o documento do papa e descobrimos que a nossa Igreja precisa estar em saída, com liberdade e alegria anunciar o Evangelho”, avalia o membro da JM de São Luiz de Montes Belos.


A necessidade de a Igreja estar constantemente preparada para agir e sair do seu próprio comodismo foi um dos temas discutidos durante o fim de semana. “Somos missionários para agir nas nossas comunidades e não isoladamente. Recebemos o chamado de trabalhar contra as escravidões modernas à luz do Evangelho”, afirma a jovem de Brasília, Tábata Ferreira. “Reconhecemos que necessitamos frutificar os dons que recebemos a partir das obras missionárias e da solidariedade com os irmãos”.

Entre momentos de estudos, oficinas e dinâmicas, os jovens e membros das Famílias Missionárias fizeram do encontro uma oportunidade para realimentar o ardor missionário. “Foi uma nova animação missionária onde pude ver que precisamos agir ainda com mais força, fazendo mais por nossos irmãos. É preciso identificar nossos organismos de missão e sermos ousados e livres para saber viver a alegria do evangelho no íntimo da nossa comunidade, mas também além-fronteiras”, comenta Inara Francielle, coordenadora diocesana da JM em Ipameri (GO).

Informações da JM do Centro-Oeste.

Nenhum comentário: