domingo, 20 de julho de 2014

Jovens de São Paulo e Minas Gerais realizam "Missão Sem Fronteiras"


No clima da Copa do Mundo, 120 jovens de diversos grupos missionários da Comunidade Missionária de Villaregia (CMV) decidiram dedicar a última semana do mês de junho à realização da Missão Sem Fronteiras na cidade de Piraju, diocese de Ourinhos (MG). Os participantes são oriundos de diversas localidades, entre as quais Belo Horizonte, São Paulo e da própria comunidade de Piraju. A iniciativa também contou com a participação de jovens vindos do México, Peru e Itália.

O evento foi uma ocasião para testemunhar ao mundo a vitória que supera todas as copas: o Amor de Deus que dá a salvação a cada ser humano. Foi também um momento de intercambio, troca de saberes e experiências entre os jovens participantes, que construíram novas amizades e pontes para diálogos e novas atividades.

A missão começou com dois dias de formação, 21 e 22 de junho, baseados na exortação apostólica do papa Francisco: A alegria do Evangelho. O convite do papa e da Igreja os impulsionou a ir com alegria ao encontro dos moradores das cidades de Piraju, Sarutaiá e Timburi e também uma comunidade de Ribeirão Claro, que pertence a diocese de Jacarezinho.

Usando a criatividade a serviço da evangelização, foram programadas atividades variadas. Houve evangelização nos semáforos; encontros com as crianças; visitas a asilos, hospitais e cadeia; teatros no mercado, na feira; tenda de oração montada na praça da cidade. O grupo ainda realizou visitas, de dois em dois, às casas das comunidades. Na ocasião, eles fizeram um momento de oração por cada família.


Para os participantes, as visitas foram muito significativas, vista a acolhida dos moradores. Muitos deles esperavam por anos acolher missionários em suas casas. O encontro com pessoas afastadas da fé por diversos motivos e até mesmo com irmãos de outras religiões tornou-se uma experiência muito rica.

Experiências
Em uma das visitas, uma das duplas de evangelizadores entrou numa casa e dialogou com uma pessoa que tinha uma arma em cima da cama. Ela tinha pensado em tirar a própria vida. Naquele dia, a mensagem de evangelização e a oração partilhada foram a motivação para que esta pessoa desistisse de seu propósito.

Uma senhora, depois da oração debaixo da tenda, quando oraram por ela e por seus problemas pessoais, sentiu-se totalmente renovada e fortalecida e falou que “se sentia uma pessoa nova”, disposta a enfrentar a luta do dia a dia com novas forças.

Encerramento
No fim de semana 28 e 29 junho, realizaram-se as atividades conclusivas, missas e um pequeno show de encerramento. Estes momentos de celebração foram marcados por entusiasmo e alegria dos participantes.


Os jovens saíram de suas cidades como evangelizadores, mas depois de cada encontro percebiam que eles mesmos eram evangelizados. Refletiu-se a verdade da frase bíblica “é dando que se recebe”.

Fonte: Conselho Missionário de Botucatu

Nenhum comentário: