terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Obra da Propagação da Fé tem novo secretário nacional


Os participantes da 6ª Assembleia Nacional da Pontifícia Obra da Propagação da Fé (POPF) realizada, nos dias 12 a 15 de dezembro, em Brasília (DF) conheceram o novo secretário nacional da Obra. O diretor das POM, padre Camilo Pauletti comunicou que, a partir de 2014 o jovem Guilherme Cavalli, atual coordenador da Juventude Missionária no Rio Grande do Sul, assume o Secretariado nacional da POPF e passa a fazer parte da Equipe das POM.

“Eu venho de uma vivência com os grupos de base e não podemos esquecer essas raízes. O principal objetivo é contribuir para que essas bases sejam assistidas”, afirmou Guilherme.

Perguntado sobre o que o motivou a assumir esse desafio, o jovem que é estudante de jornalismo explicou: “Esta é uma proposta desafiadora por que tenho de abrir mão de um projeto pessoal para me dedicar a um projeto de Igreja que é universal. Seria egoísta da minha parte não aceitar isso. Proponho-me a olhar para a Juventude, Famílias, Enfermos e Idosos Missionários juntamente com a Equipe das POM. Quero lutar pela vida da juventude e ajudar a abrir as portas da Igreja para que respire a Missão e se renove ainda mais, como o papa Francisco vem fazendo”, ressaltou.

Após três anos de serviço como secretário nacional da POPF, em 2014, padre Marcelo Gualberto regressa à sua diocese de origem, Uruaçu (GO). Ao longo dos anos ele teve o mérito de estruturar as atividades da Obra, em especial aquela da Juventude Missionária que já se encontra espalhada por todo o Brasil. Emocionado, padre Marcelo agradeceu a todos pela colaboração e encorajou as lideranças a seguirem trabalhando com ardor missionário. Em vários momentos ele foi lembrado e homenageado pelos participantes na Assembleia. “Com vocês aqui nas POM, aprendi a ter um coração missionário. Podem contar comigo sempre que precisarem. Não tenham medo de atrair outros jovens para a missão”, afirmou padre Marcelo ao enviar os presentes no final dos trabalhos. Alguns dos coordenadores estaduais também fizeram suas despedidas passando para outras lideranças a função.

Padre Marcelo apresentou ainda alguns encaminhamentos para o futuro, em especial na área da formação como a elaboração de subsídios para encontros estaduais. Destacou o Projeto Juventude em Missão na Amazônia, uma proposta do seminário “Juventude e Missão” realizado em 2012. A iniciativa terá o apoio da CNBB através das comissões da Juventude, Amazônia, Missionária e Missão Continental em parceria com as POM. O plano prevê um período de missão com grupos de até 12 jovens acompanhados por assessores à quatro dioceses da Amazônia: Borba, Roraima, Lábrea e Parentins. A missão acontecerá entre os dias 30 de novembro e 15 de dezembro de 2014.


A programação abriu espaço para uma partilha sobre a participação na Jornada Mundial da Juventude (JMJ Rio 2013) e no 4º Congresso Missionário Americano (CAM 4 – Comla 9) ocorrido na Venezuela. Além disso, foi definido o calendário de atividades para 2014 nos estados e regionais.

Famílias Missionárias
Além da presença de todos os coordenadores estaduais da JM, a Assembleia reuniu representantes das Famílias, Idosos e Enfermos Missionários, atividades que também fazem parte da Obra. O casal Randenclécio de Souza e Elaine Nayara Xavier veio de Natal, no Rio Grande do Norte, com o filho João Rafael de 8 anos de idade e voltaram animados. “Saímos desta assembleia muito animados devido às perspectivas de trabalho para 2014, em três grandes momentos: as Famílias Missionárias estarão representadas no 1º Congresso Americano da IAM, no mês de maio em Aparecida (SP); teremos uma reunião da Equipe Executiva das Família no mês de junho em Brasília e a participaremos do Encontro de todo o Nordeste no mês de novembro em Sergipe”, revela Randenclécio. Para expandir o Projeto das Famílias Missionárias ele vê a necessidade de unir forças com a Infância e Adolescência Missionária (IAM) e a Juventude. “Com isso, as Famílias Missionárias vão crescer cada vez mais”, avalia.

A missa no domingo foi presidida por dom Valdir Mamede, bispo auxiliar de Brasília e referencial para a Missão no Regional Centro Oeste da CNBB. “O Verbo se fez carne, habitou entre nós e revelou a glória da Salvação. Essa é a alegria que o 3º domingo do Advento quer celebrar”, afirmou o bispo. “Como o Apóstolo Paulo fala: ‘alegrai-vos no Senhor, repito alegrei-vos’. Quando olhamos para a juventude vemos um campo aberto e alegrias que não são a do Senhor, isso nos preocupa. Os Jovens Missionários devem ter a coragem de contrapor as coisas tristes que afetam a vida dos próprios jovens e proclamar a alegria que vem do Senhor”, sublinhou dom Valdir.

Jaime C. Patias
FONTE: POM - 17/12/2013

Nenhum comentário: