sexta-feira, 5 de julho de 2013

Diocese de Bacabal (MA) realiza 1º Encontro Diocesano da Juventude Missionária


A cidade de Trizidela do Vale (MA) acolheu, nos dias 15 e 16 de junho, o 1º Encontro de Articulação da Juventude Missionária (JM) da diocese de Bacabal. Participaram representantes de nove paróquias que se reuniram no Colégio Frei Germano de Cedrate.  O encontro foi articulado pela coordenação diocesana da Infância e Adolescência Missionária (IAM), e contou com a assessoria do coordenador da JM no Maranhão, Liebert Douglas e o responsável pela IAJUM na diocese de Bacabal, o diácono Auriélio Martins. Os trabalhos abriram com uma oração onde cada participante recebia uma vela acesa e a repassava ao colega, representando a Luz divina que ilumina na missão.

Em seguida, Liebert Douglas deu início à formação apresentando a organização missionária no Brasil e as Pontifícias Obras Missionárias (POM). Falou ainda da Juventude Missionária, sua origem e missão no mundo, o perfil e a identidade do jovem missionário e a metodologia de trabalho. “Ser jovem missionário é passar aquela paz de espírito adquirida pelos membros a cada encontro, abalando as estruturas e tendo como ferramenta o carisma da JM. Precisamos comunicar nossa experiência e vivência às outras pessoas, testemunhando a experiência em Cristo que se firma em solidariedade, oração e compromisso”, afirmou Lieberty.

O diácono Aurielio Martins abordou o tema central do Encontro: “Jovem, Jesus te chama, capacita e te envia”. Partindo do Evangelho segundo Lucas (10,1-12), mostrou um vídeo sobre a realidade de um povo sofrido que precisa da solidariedade de todos nós. “Nos dias atuais, existem os lobos que precisamos vencer com a nossa fé”, afirmou o diácono e continuou: “Precisamos vencer o lobo das drogas, da prostituição, do consumismo, da bebida alcoólica..., ainda assim, o pior dos lobos está dentro de nós que temos a missão de anunciar Jesus Cristo, é o lobo do comodismo”, ponderou.

O assessor frisou que, ter medo é sinal de vocação. “Você pode até ter medo de não dar certo, mas no fundo sente que precisa ir, você percebe que é Deus quem envia. Todos nós temos vocação pra missão, em meio a pessoas diferentes e em lugares diferentes”, concluiu.

Um grupo de Capoeira local fez uma apresentação. Na sequência, Ângela Maciel, coordenadora do grupo de JM, na paróquia Santo Antônio de Pádua, apresentou as atividades do grupo desde a sua fundação em novembro de 2012. A coordenadora falou sobre a caminhada da JM no Maranhão, sendo o primeiro encontro de articulação realizado em Bacabal, no ano de 2007, com a participação de alguns assessores da IAM e a coordenação do Regional. Mostrou ainda, a caminhada da JM no Brasil com destaque para a sua 5ª Assembleia Nacional.


Sobre a Jornada Mundial da Juventude (JMJ Rio 2013), Lieberty destacou que a pré-Jornada, não será apenas para os jovens que irão ao Rio de Janeiro, mas também para todos os demais jovens. Durante a JMJ no Rio, a JM terá uma programação especial na Sede Missionária organizada pelas Pontifícias Obras Missionárias (POM).

Para dar continuidade ao trabalho, decidiu-se pela realização, nos dias 11 a 13 de outubro, em Bacabal, de um encontro diocesano para todos os grupos de JM e assessores da IAM. Ana Cleres Silva, coordenadora diocesana da IAM, apresentou o calendário de encontros da IAM e JM. Revelou ainda, o roteiro de peregrinação das imagens dos padroeiros das Missões, São Francisco Xavier e Santa Teresinha do Menino Jesus, pelas paróquias, para marcar os 170 anos da IAM no mundo.

A oração do terço missionário no pátio do colégio, a participação no “arraial” da cidade, no sábado e a missa dominical na igreja Matriz, fizeram parte da programação. Dom Armando Guterrez, bispo de Bacabal, ao fazer o envio entregou aos participantes, um certificado e o crucifixo motivando para a missão.

FONTE: POM - 05/07/2013


Nenhum comentário: