terça-feira, 17 de abril de 2012

Juventude Missionária: uma ação concreta em meio aos jovens gaúchos.


Refletindo algumas urgências evangelizadoras e reconhecendo o momento histórico em que nos encontramos, a Igreja local da Diocese de Vacaria - RS, mais especificamente Paróquia São José de Ibiraiaras, com seu protagonismo jovem, começa a dar os primeiros passos com a Juventude Missionária. Em um período de transformações profundas a comunhão de nossa Igreja-Missionária se faz de extrema importância; o resgate de valores que se perdem nas relações humanas que já não são mais pautadas sobre a solidariedade, mostra-se como a missão principal de nossa Igreja que se sustenta sobre o amor ao próximo. Esse foi um dos anseios dos 17 jovens que estiveram reunidos neste último domingo, 15 de abril, na paróquia da cidade de Ibiraiaras para, junto com a coordenadoria regional do JM, refletir sua realidade sob a luz do Evangelho.

É fácil termos o desejo de mudar o mundo dentro de nosso quarto no maior egoísmo”, dizia o jovem Magno, que com belo testemunho de vida propõe aos demais jovens o desejo de que a missão perpasse a identidade humana, indo da ajuda ao próximo até assumindo a missão na ecologia. “Devemos deixar nossos interesses pessoais e se precisar ir às margens da BR com um saco de lixo ajuntar o que as pessoas jogam ali”, dizia o mesmo.

A missão acontece de forma includente, por reconhecer que todas as situações, tempos e locais são seus interlocutores, preocupa-se que se esteja junto aos jovens. A Igreja, sinônimo de missão, deve ser realmente um meio através do qual eles se percebam como filhos amados de Deus e irmãos de todos. Essa foi uma das preocupações no momento de escolher o campo principal de atuação desse grupo. Sabendo que muitos de nossos jovens depois de cumprirem o processo catequético não retornam a Mãe Igreja, o novo e primeiro grupo da JM no estado do Rio Grande do Sul optou por trabalhar juntamente com a catequese e assim cumprir o desejo das POM e do Regional Sul 3 para a JM: Jovens evangelizando Jovens, sendo fermento comprometido com a animação missionária. Ficou marcado que nesta próxima quarta-feira, 18 de abril, os jovens missionários se reunirão com propostas de coordenaria paroquial e desafios pessoais e comunitários para cumprir durante esse primeiro semestre do ano de 2012.

A coordenaria da Juventude Missionária Estadual alegra-se pelo recrutamento de novos jovens que estão realmente preocupados com a efetivação da vida digna. A vontade de fazer acontecer está no carisma jovem, o seu dinamismo e sua fonte de energia, mesmo que algumas vezes acompanhados pelo medo, faz compreender que uma ação que não tiver um antes não terá um depois. É nessa reflexão que a Igreja do Rio Grande do Sul diz sim a vontade do jovem de transformar e construir um futuro melhor baseada nos ensinamentos de Jesus Cristo, e nota a necessidade de maior atenção à juventude que são os mais expostos aos dramas sociais. “Atenção especial merecem os nossos jovens. A beleza da juventude e os inúmeros desafios para a plenitude de sua vida exigem urgentes iniciativas pastorais nas diversas instâncias de nossa ação evangelizadora” (DGAE, p. 67). 

Guilherme Cavalli
Coordenador da JM-RS

Nenhum comentário: