segunda-feira, 30 de maio de 2011

Padres explicam as estruturas das POM aos formadores de Seminário


A pauta de quinta-feira, 26, durante a 1ª Semana de Formação Missionária para Formadores de Seminário foi marcada pela apresentação das estruturas e trabalhos desenvolvidos pelas Pontifícias Obras Missionárias (POM) do Brasil.

As discussões foram coordenadas pelo diretor nacional das POM, padre Camilo Pauletti; e pelos três secretários das obras pontifícias: padre Sávio Corinaldesi, da Pontifícia União Missionária; padre André Luiz de Negreiros, da Infância e Adolescência Missionária (IAM) e padre Marcelo Gualberto, da Propagação da Fé e Juventude Missionária.

Organograma Missionário da Igreja no Brasil: Pontifícias Obras Missionárias, Campanha Missionária, Dia Mundial das Missões, Mês das Missões”. Foi a partir dessas temáticas que os padres exploraram o vasto campo de atuação da instituição no mundo.

Começando pela história de cada Obra Pontifícia, os padres explicaram aos formadores de seminário que, desde o seu nascimento, as POM têm a missão primeira de formar, cooperar e trabalhar a animação missionária na universalidade da Igreja.

Juventude Missionária
A Juventude Missionária tem a missão de ir aonde ninguém mais quer atuar. Esse é o seu carisma: estar presente aonde a missão se faz necessária e urgente”, disse, durante sua exposição, padre Marcelo Gualberto. Ele comentou que, apesar de a JM ter apenas cinco anos de fundação, seu trabalho já é reconhecido e articulado em todo o Brasil, com expectativas de um crescimento promissor nos próximos anos junto à juventude brasileira.

Infância e Adolescência Missionária
O secretário da Infância e Adolescência Missionária (IAM), padre André Luiz de Negreiros deixou claro aos cursistas que é imprescindível não confundir IAM com catequese nas paróquias porque uma não substitui a outra. “A catequese educa para os sacramentos, enquanto que a IAM presta uma animação missionária junto às crianças”, explicou.

Padre André deu ainda sugestões aos formadores durante suas colocações . “Deixem as crianças serem protagonistas, pois elas são capazes, mas não deixem que crianças e adolescentes catequisando participem da IAM porque se corre o grande risco de sobrecarregá-las e perdê-las de uma e outra”, sugeriu o secretário. De acordo com ele, a catequese é a prioridade. Após fazer os sacramentos iniciais as crianças e adolescentes poderão atuar na IAM ou na JM.

União Missionária
Padre Sávio destacou que o objetivo da União Missionária é a “formação e informação dos sacerdotes, das sociedades de vida apostólica, dos membros dos Institutos de vida consagrada, dos candidatos ao sacerdócio e à vida religiosa em todas as suas formas”. De acordo com ele, a “União é voltada para todos os que são chamados a trabalhar para que o Povo de Deus seja animado por um espírito missionário e por uma grande sensibilidade no que diz respeito à cooperação missionária”.

Pontifícias Obras Missionárias
Padre Camilo por sua vez começou apresentando o material da Campanha Missionária 2011, “Missão na Ecologia” aos formadores. Um dos carros-chefes das POM, a Campanha Missionária tem por objetivo fortalecer a animação missionária da Igreja no mundo. O diretor apresentou o material da Campanha e a sua intensão. “Queremos com a Campanha fazer a animação missionária que a Igreja tanto precisa, mas, para isso, também precisamos da colaboração de toda a Igreja”, disse.

FONTE: POM

Nenhum comentário: