quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Nicarágua: Três mil jovens anunciam o Evangelho de "porta a porta" no encerramento do mês missionário



O bispo de Granada, Dom Jorge Solórzano, Núncio Apostólico Henryk Józef Nowacki, o clero de Granada, de Rivas e Boaco, estiveram reunidos no dia 30 de outubro, junto com milhares de jovens da Diocese de Granada, para celebrar a conclusão do Mês Missionário e renovar o compromisso de anunciar o Evangelho.

O programa do dia de encerramento do Mês das Missões, enviado à Agência Fides, que se realizou na cidade de Diria, teve o encontro no Instituto Diriagen com cerca de três mil jovens que trabalham na Diocese de Granada, a fim de trabalharem ainda mais para a evangelização.

Dom Solorzano sublinhou que "o primeiro missionário que deve bater de porta em porta é o Bispo, em seguida, todo o sacerdote em sua paróquia". "A Igreja deve ser missionária para levar a palavra de encorajamento e esperança a todas as pessoas, junto com os leigos. Não obstante façamos também um trabalho social, a nossa principal missão é evangelizar", disse o bispo.

Dom Solorzano recordou o documento de Aparecida, publicado no final do encontro dos Bispos latino-americanos, onde se afirma que "o encontro com Cristo deve dar a alegria de ser discípulos do Senhor e ter sido enviado com o tesouro do Evangelho. Ser cristão não é um peso, mas um dom: Deus Pai nos abençoou em Jesus Cristo, seu Filho, o Salvador do mundo".

Nas paróquias e igrejas, nas capelas como nos grupos e movimentos católicos, o encerramento do Mês Missionário renova o compromisso de todo cristão de anunciar o Evangelho de "porta a porta" para todas as pessoas em sua região eclesiástica.

Fonte: Agência Fides

Nenhum comentário: