quarta-feira, 19 de maio de 2010

Da Ascenção à Missão

A festa da Ascenção do Senhor (Lucas 24, 46-53), que celebramos neste domingo, é mais do que um acontecimento na vida de Jesus e dos discípulos. É um virar de página.

Terminada a presença histórica de Jesus, passamos a viver o “tempo do Espírito”. Desinstala-nos! É a oportunidade para deixarmos a fé infantil, vivida à sombra do Jesus Histórico, e passarmos a viver, em profundidade, no mundo e no tempo, o Jesus da Fé. Um convite e um desafio ao amadurecimento, à responsabilidade, ao testemunho da fé na vida quotidiana.

Como disse o Papa Bento XVI, numa das frases que nos deixou, na recente visita a Portugal: “Aquilo que fascina é sobretudo o encontro com pessoas crentes que, pela sua fé, atraem para a graça de Cristo dando testemunho dele”.

A Missão é o campo imenso que se abre, num sopro do Espírito, no compromisso de vida. Fascinados por Cristo, fascinemos, hoje, aqui e agora… por Cristo, com Cristo e em Cristo.

A. Brás

Nenhum comentário: