terça-feira, 1 de setembro de 2009

Encontro Missionário Regional anima a cidade de Nazaré Paulista-SP.

"Há uma íntima relação entre ser cristão e ser missionário. A missão não é somente um movimento para os outros, mas um movimento para o coração de Deus. Antes de ser uma atividade, é contemplação e disposição para mergulhar no projeto de Deus". Com essas palavras, Irmã Antônia Mendes Gomes, NDC, da Conferência dos Religiosos do Brasil - CRB encaminhou sua reflexão sobre a espiritualidade na vida do discípulo(a), durante o 29º Encontro Missionário Estadual, Regional Sul 1 da CNBB, realizado de 28 a 30 de agosto, em Nazaré Paulista, diocese de Bragança Paulista.

Promovido pelo Conselho Missionário Regional - COMIRE, o encontro contou com a participação de 160 representantes das dioceses, assessores(as) e coordenadores(as) de Conselhos Missionários Diocesanos - COMIDIS, da Infância e Adolescência Missionárias - IAM, religiosas, padres e seminaristas. Os encontristas foram acolhidos na Igreja Nossa Senhora de Nazaré, no centro da cidade, uma das paróquias mais antigas da região, fundada em 1630. Partindo da praça da matriz, uma carreata que incluiu também cavaleiros, seguiu com a Imagem de Nossa Senhora Aparecida até a Casa de Retiros Mambré Tainá, a dois quilômetros da cidade, onde dom José Maria Pinheiro, bispo de Bragança Paulista e presidente do COMIRE, declarou oficialmente aberto o Encontro, em cerimônia que destacou a luz, as sandálias e o cajado como símbolos da missão.

Aprofundando elementos da espiritualidade missionária, Irmã Antônia Mendes lembrou que "ser discípulo missionário não é algo distante. É um apelo para mim, para você, para cada um". Refletindo sobre a inculturação a religiosa que nasceu em Guajará-Mirim, numa comunidade quilombola, no interior de Rondônia, recordou que "o Espírito de Deus continua atuando na história. A tarefa da Igreja não é levar Deus, mas descobrir e fazer crescer a presença e ação de Deus. Ele fecunda as sementes do Verbo, presentes na Criação inteira, nos ritos, nas culturas, nas aspirações e nas esperanças da humanidade, e as faz amadurecer em Cristo", afirmou. "A criação é o primeiro gesto missionário de Deus. Viver hoje a missão é ultrapassar constantemente fronteiras que separam etnias, culturas, religiões, além do crescente abismo entre ricos e pobres. Esta espiritualidade reclama a aceitação do pluralismo como bênção", ressaltou a assessora.

Na sua avaliação, o coordenador do COMIRE, Regional Sul 1, Robson Ferreira, disse que o Encontro esteve em sintonia com os últimos congressos missionários, no espírito da Conferência de Aparecida que lançou a Missão Continental. "Queríamos ressaltar a importância da espiritualidade para, diante dos desafios, não cairmos no ativismo. Penso que atingimos esse objetivo, pois, hoje se percebe uma maior consciência nas lideranças. Os valores da espiritualidade missionária aqui destacados são como um eco que irá repercutir no trabalho", concluiu.

A programação contou com espaços para partilhar as atividades das dioceses e sub-regiões. Padre Éverton Aparecido da Silva da diocese de Presidente Prudente e responsável pela Dimensão Missionária da Sub-região Botucatu, partilhou a experiência missionária realizada no mês de junho, em Formosa, GO, com a participação de 45 missionários(as). O gesto de sair foi importante "para imprimir nas igrejas locais a preocupação com a missão além-fronteiras. Isso fortalece a comunhão na Província Eclesiástica de Botucatu que caminha em sintonia com a Missão Continental", avaliou o padre.

Célia Catarina Fontes Leite, que representou Bauru e integra a coordenação da Sub-região de Botucatu, avaliou que "o Encontro permitiu ver as diversas realidades do Estado o que reforça o ardor missionário para atuar nas nossas dioceses", observou.

Este ano 34 seminaristas participaram do Encontro, em sua maioria, da diocese anfitriã. Vinicius Alves Martins, da diocese de Limeira, que cursa Filosofia em Campinas com especial interesse na missão, ressaltou a importância de participar. "O Encontro ajudou a refletir sobre o espírito missionário que temos a partir do batismo e que deve ser renovado para cumprirmos com o mandato de Jesus. A Igreja é por sua natureza missionária e fazendo parte dela, os seminaristas devem assumir essa missão avançando para águas mais profundas". Vinicius destacou também o apoio que o COMIRE vem dando ao Conselho Missionário dos Seminários - COMISE, que desperta, desde a formação o amor pela missão.

A coordenadora estadual da Infância e Adolescência Missionárias - IAM, Nádia Maria Faustino, informou sobre as atividades formativas e a 2ª Mobilização lançada no Regional, por ocasião da celebração dos 166 anos da criação da Obra. Nádia explicou que "a coleta será enviada para as crianças de Maúa, em Moçambique e as dioceses que ainda não fizeram a mobilização podem realizá-la até o mês de outubro", esclareceu. A primeira aconteceu em 2007, em favor do Timor Leste.

A preparação do ambiente para acolher os missionários contou com a participação da juventude, dos membros do COMIDI e dos ministros da Eucaristia, sendo coordenada pelo padre Tarcísio Spirandio, pároco local e assessor do COMIRE. Para ele, "o evento foi uma missão, com a força do Espírito Santo, animando as lideranças a participarem, percebendo que a Igreja é maior do que a comunidade paroquial". Com relação aos encontristas "procuramos acolhê-los bem, porque quando as pessoas se sentem em casa, elas interagem mais facilmente", disse padre Tarcísio.

Uma apresentação cultural no sábado à noite mostrou as tradições de Nazaré Paulista como a Festa do Divino e a preparação da tradicional "paçoca" de amendoim, servida com café e o "afogadão", prato típico a base de carne e arroz, servido durante as festividades originadas em Portugual.

O objetivo dos Conselhos Missionários em seus diversos âmbitos é animar as comunidades para a missão aqui e além-fronteiras. Para isso, o COMIRE se propõe a formar coordenadores diocesanos e paroquiais para atuar em projetos no Brasil e em outros países. Reunidos por Sub-regiões, no último dia do encontro, os trabalhos se concentraram na busca de estratégias para dinamizar a Campanha Missionária do mês de outubro, na revisão do Projeto de Ação Missionária Permanente - PAMP e na organização dos Conselhos Missionários locais.

Uma celebração presidida por dom José Maria Pinheiro na matriz encerrou os trabalhos. O bispo agradeceu a comunidade pela organização destacando que o evento foi "uma grande bênção para a diocese e a cidade de Nazaré Paulista. Um Encontro como esse é sempre enriquecedor para todas as dioceses do Regional", disse dom José, que considerou fundamental o envolvimento da população. "Isso foi significativo porque vale tanto quanto as pregações uma vez que o povo vê a movimentação dos missionários no Estado", concluiu.

O 30º Encontro Missionário Estadual, em 2010, acontecerá na cidade de Presidente Prudente.

FONTE: Comunicação Comire Sul 1 – 31/08/2009

Nenhum comentário: